Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Rampas nas calçadas’

rampa-na-calcadaEstou em residência nova. Mas no Condomínio onde vim morar a acessebilidade é deficitária, ou melhor, é nula mesmo. No bloco onde vou morar não há rampa e na porta de acesso há dois degraus. Como ganhei o material para uma rampa metálica não precisarei contar com uma feita pelo condomínio, nem esperar por isso. Já obtive um sinal negativo deles.

Agora, terei sim que reivindicar por rampas nas calçadas internas. As que existem é um atentado a segurança de um cadeirante. Se chamam aquilo de rampas, deveriam ser punidos. Como não tenho câmera, vou pedir a quem tenha para fotografar e trarei para cá.

Nas calçadas externas ao condomínio as rampas não morrem a zero. Já vi uma idosa tendo dificuldade em subir nesse “degrau” com o carrinho de feira. Quem fez as tais rampas não verificou antes de que as rodinhas da frente da cadeira de roda não sobe. Na pressa em sair da rua o cadeirante terá que parar, virar a cadeira para subir de costas. Num ponto onde há acesso de carros, corre o risco de ser atropelado. Terei que pedir para reparar ficando como dessa foto: bem rente ao chão. Um belo exemplo feito nesse município de onde eu trouxe a foto para esse artigo.

E do ponto de vista da Engenharia e da Ergonomia, as Normas Regulamentadoras da ABNT recomendam que rampas não excedam uma inclinação de 8º. Porque esse é o valor a partir do qual deficientes físicos em cadeiras de roda se tornam incapazes de permanecer parados em uma rampa sem rolarem para baixo caso soltem as rodas. Não observando restrições horizontais, o ideal, para termos uma rampa com 10 graus de inclinação, seria uma com um mínimo de 1,50m de comprimento.

Mas façam as rampas sem “degrau”, terminando a zero.

Read Full Post »

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 781 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: